plurall


Voltar   plurall > Plurall.doc > Entrevistas

Entrevistas Espaço para entrevistas especialmente produzidas pela equipe Plurall.

Resposta
 
LinkBack Ferramentas do Tópico Pesquisar no Tópico Modos de Exibição Translate
  #1 (permalink)  
Antigo 02-07-2009, 20:59
Avatar de PLURall
Admin
 
Registrado em: Jun 2004
Posts: 43,900
Valeu: 5
Recebeu 1,392 valeus em 249 Posts
Padrão Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall



Entrevista por: Roosevelt Soares


Se tem uma coisa que brasileiro ama além do clássico samba e futebol, é festa de musica eletrônica. São elas que a cada final de semana arrastam mais e mais multidões sedentas por beats eletrônicos. E se o evento tiver um top dj ou produtor musical, ai é que o bicho pega fogo mesmo.

Em 2005 após um set histórico no festival Solaris, o Dj britânico Tim Healey ficou conhecido por mudar a cara dos line-up’s, inserindo novos ritmos em festas até então dominadas pelo psy-trance, Tim chegou misturando sons que passeavam do electro-house ao rock, do trance ao break.

Tim esta no Brasil com sua nova turnê e como sempre tem lotado de publico por onde se apresenta. Aproveitando a passagem do inglês por terras cariocas, convidamos Tim Healey para bater um papo.



Para começar a entrevista gostaria que você comentasse como tudo começou?

Tim: Há muito tempo atrás, em uma galáxia tão tão distante (risos)... Não tem muita coisa para falar; Sou DJ a 20 anos, já toquei para a maioria dos promoters na maioria dos países ao redor do mundo. Já toquei em Glastonbury, toquei em Fuji Rock... Tenho muita sorte de ter tido essas oportunidades de tocar para tantas pessoas diferentes em tantos países... Mas o Brasil é um país onde eu sempre encontro uma multidão enlouquecida. Eu amo isso.

Em março desse ano, os brasileiros puderam ver pela primeira vez na edição especial da XXXperience no Rio de Janeiro o Tim Healey LIVE. Como foi pra você essa apresentação e aproveite pra explicar um pouco sobre esse novo trabalho.

Tim: Primeiro eu tenho que dizer que tive o ano novo mais louco da minha vida. Toquei em Trancoso na Bahia no dia 30/12, e depois tive três apresentações na noite do ano novo, e na Barra da Tijuca foi uma das três, e foi A APRESENTAÇÃO, pra 1 milhão de pessoas... Um dos maiores palcos e sound system que já vi. Queria poder ter dado uma volta para ver a festa de ano novo na praia com todas aquelas pessoas, mas eu tive que voar para Búzios e de lá voar para Ubatuba para mais outras apresentações à noite.

Pensei que estas seriam minhas melhores experiências no Brasil até o momento, mas depois trouxe meu live em março/abril, e esta foi a última grande experiencia que tive.

O Live recebeu nos efeitos visuais o trabalho do artista Chris - Stoptime 341, o VJ que faz todas as apresentações do Tiesto. Ele fez um efeito visual especial para cada musica minha. Também tive Rich Kegg na bateria, dando força e conduzindo o ritmo ao lado do talentoso MC Junior no microfone.
Foi incrível, da uma olhada no vídeo:


Sei que foi uma festa de trance, e algumas pessoas ficaram chocadas com o live da banda, e principalmente pelo meu MC, Junior Red - mas foi uma atitude bem rock´n roll - as pessoas amam isso, estou muito orgulhoso da minha equipe, e muito agradecido a XXXPERIENCE por nos apresentar tão bem.



Como esta sendo a preparação pro lançamento da biblioteca de samples em CD junto a empresa inglesa Loopmasters? Imagino que seja um trabalho diferente e me vem um pouco de curiosidade de como é desenvolvido. Poderia falar um pouco sobre isso?

Tim: Essa é a parte técnica da entrevista: Para os seus leitores que querem fazer dance music - eles podem comprar meu novo CD sample na loopmasters. São três giga de informação - loops, drums, basslines, melodias e definições de samplers e sintetizadores para a maioria das plataformas de produção sonora. Todos os loops são appleloops - então eles se esticam automaticamente pro bpm correto de sua track. De qualquer maneira, estão vendendo muito no mundo todo!

O punk rock, o indie, tem certa influencia sob seus trabalhos. Que bandas tem escutado ultimamente ou que ainda te influenciam?

Tim: Uau - Eu sempre ouvi todos os tipos de música sabe, do rock ao clássico e eu realmente amo a maioria delas. Esta semana minhas preferidas são: Major Lazer – Aamazing Future dub/electro/eclectic by Diplo & Switch, além disso o novo álbum do Danger Mouse em parceria com o produtor David Lynch e é claro o novo álbum do Kassabian. Eu tentei conseguir ingressos para o Leonard Cohen, eles estavam por £200 cada e só tinham lugares disponíveis em Paris (não no Reino Unido, onde eu moro), um dia eu consigo ver o mestre... Então, sim, eu ouço todo tipo de coisa.

Eu e minha filha de oito anos de idade estamos atualmente acompanhando online álbuns de rock clássico e algumas bandas independente, nós separamos um tempo toda semana pra checar coisas sobre Cream, The Who, ou Muddy Waters! É uma grande diversão explicar para ela a importância destas gravações, como e porque The Beatle’s Sergeant Pepper’s foi uma revelação.



Com toda essa correria de agenda, sobra tempo pra sair de casa e escutar outros DJs, produtores ao vivo? Quem são eles?

Tim: Dois dos meus preferidos pra dançar atualmente são do Brasil: Felguk do Rio e eles estão realmente pegando fogo. E como DJ eu adoro ouvir Ali Disco B de São Paulo, seus mash up mix tapes me mantém entretido.

Você conhece alguma coisa da musica brasileira sem ser diretamente ligado a musica eletrônica?

Tim: Eu gosto de bandas como Charlie Brown JR, C.S.S. (Cansei de Ser Sexy), e também sons mais tradicionais como samba, jazz, etc, mas eu também gosto muito do funk das favelas carioca.

Muitos filmes acabam influenciando a produção musical de alguns artistas. Tem algum filme que tenha influenciado algum trabalho seu?

Tim: Eu amo aquelas músicas assustadoras de filmes, como Julie Cruise em Fire walk With Me. Também adoro assistir a um filme e sentir quando a música te toca de uma forma que se torna inesquecível. Mas o mais perto de ser inspirado por um filme seria em minha nova música: The Mexican, um remix de uma melodia do Babe Ruth, criada pro cinema de genero Western Spaghetti do diretor Sergio Leone, você pode ver o vídeo viral em primeira mão aqui:


Trabalhos pra 2009. Alguma coisa que possa nos adiantar?

Tim: Sempre! Meu novo selo GIANT PUSSY RECORDS está lançando nossa primeira musica: Fast Eddie - Yo Yo Get Funky, com os remixes oficiais de 2009 já disponíveis no Beatport. Procure Tim Healey & Deekline mix, e depois o remix de Dubstep pra musica The Mexican por Crissy Cris. São todas muito boas. Nosso segundo release será Pocket Rocket por Tim Healey & T.A.I (aka German Hip Hop supremo, Tai Jason).
Além disso, estou trabalhando com vários rappers e MCs, como African Boy, Bubbz, Bad Lay-dee, e também estou remixando muitos sons mais urbanos como meu remix seguindo a linha do dubstep pra musica Loneliness do Tomcraft, você pode ouvir um preview aqui: www.myspace.com/djtimhealey



Falamos e falamos sobre as gigs de ano novo, mas ainda não falamos da experiência de tocar no Universo Paralello. Foi o dia que a pista alternativa mais bombou e o era nítido que o público estava amando. Como foi pra você?

Tim: Yeah, eu amei o Universo Paralello, que festival! Toquei com Felguk e com o Miles Dyson na quarta-feira, foi impressionante! Praia, sol, cerveja, biquínis.. O que mais você pode querer como um DJ ou como um “clubber”?!? Foi muito difícil chegar ao festival é verdade, eu tinha feito 4 apresentações em 36 horas e fui direto para Salvador e de lá para o local do festival (6 horas de ônibus).
Mas quando eu cheguei lá eu fiquei muito feliz por ter ido, espero que me chamem esse ano novamente.

Pra terminar, deixe uma mensagem pros seus fãns aqui do Brasil.

Tim: Brasil, vocês arrasam. Vejo vocês muito em breve... Se tiverem tempo conheçam meu novo selo: Giant Pussy Records, aqui: myspace.com/giantpussyrecords






O Plurall agradece ao Tim Healey pela entrevista e pela colaboração da Wild Artist, Paulinha e Orion.
__________________
.:3õ:. BEM VINDO ao PLURALL.com.:3õ:.

Essa é sua casa virtual.

Participe, interaja, explore!

Peace, Love, Unity & Respect for All

Última edição por Paulinhaaa; 06-07-2009 às 11:43. Motivo: ajustes de formatação
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Os seguintes 10 usuários disseram valeu para PLURall por este post:
  #2 (permalink)  
Antigo 02-07-2009, 23:03
Orion ..
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Respondida a pergunta do orkut!
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #3 (permalink)  
Antigo 03-07-2009, 12:58
Avatar de Flict
a m b i e n t
 
Registrado em: Jul 2006
Localização: Dark side of the moon
Posts: 965
Valeu: 785
Recebeu 1,630 valeus em 461 Posts
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para Flict
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Citação:
Postado Originalmente por PLURall Ver Post

Tim: Eu gosto de bandas como Charlie Brown JR, C.S.S. (Cansei de Ser Sexy)
Charlie Brown até vai, mas C.S.S... PQP, sem comentarios!!!
__________________

Flict DJ Sets (Soundcloud)
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
O seguinte usuário disse valeu para Flict por esse post:
  #4 (permalink)  
Antigo 03-07-2009, 14:12
Avatar de Roosevelt Soares
poesia ou morte!
 
Registrado em: Mar 2005
Localização: Celtx
Posts: 2,192
Valeu: 2,334
Recebeu 3,574 valeus em 925 Posts
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para Roosevelt Soares
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Cansei de Ser Sexy é a nossa musica “eletronica” ou seria “alternativa”, mais famosa la fora. Já vi uma entrevista com o Daniel Red Clif, o Harry Potter, dizendo que ama o Cansei de Ser Sexy... tb acho bem ruinzinho, uma banda fruto daquela imagem interna que os paulistas tem de achar que São Paulo faz fronteira com Nova York.
Mas ainda assim prefiro o Cansei de Ser Sexy com seu visual “fui pra balada e nunca mais voltei” do que as letras do Charlie Brown. Se bem que agora os integrantes do Charlie Brown estão saindo da puberdade e até que as letras tem ficado melhorzinhas...huahaa
__________________
. . .

Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Os seguintes 3 usuários disseram valeu para Roosevelt Soares por este post:
  #5 (permalink)  
Antigo 03-07-2009, 14:26
Orion ..
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Só para complementar melhor filme do sergio leone é "Era uma vez no oeste".
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #6 (permalink)  
Antigo 03-07-2009, 14:33
Avatar de Flict
a m b i e n t
 
Registrado em: Jul 2006
Localização: Dark side of the moon
Posts: 965
Valeu: 785
Recebeu 1,630 valeus em 461 Posts
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para Flict
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Citação:
Postado Originalmente por Roosevelt Soares Ver Post
Mas ainda assim prefiro o Cansei de Ser Sexy com seu visual “fui pra balada e nunca mais voltei” do que as letras do Charlie Brown.
Mas os caras do Charlie Brown (sem contar o merda do Chorão) tocam pra cacete... Se bem que virtuosimso já não é mais vantagem hoje em dia, né?
__________________

Flict DJ Sets (Soundcloud)
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Os seguintes 2 usuários disseram valeu para Flict por este post:
  #7 (permalink)  
Antigo 03-07-2009, 16:40
Orion ..
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

O chorão sabe andar de skate uehuahuehua
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
O seguinte usuário disse valeu para por esse post:
  #8 (permalink)  
Antigo 22-07-2009, 16:31
douglasrm
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Gostaria de deixar registrado aqui minha satisfação ao ler essa entrevista fiquei feliz por ver o trabalho de amigos tomando corto e forma profissional, parabéns Roosevelt, gostei do tema, do texto, das infos e da iniciativa, parabéns PLURALL por estar no rumo certo e sério, respeitando os usuários na net como um todo, contribuindo e muito com conteudo de qualidade para cena, adorei o que vi neste tópico.
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Os seguintes 3 usuários disseram valeu para por este post:
  #9 (permalink)  
Antigo 17-08-2009, 14:10
carolrangel
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão Re: Tim Healey - Entrevista exclusiva pro Plurall

Esse foi o pior live act que ja vi na minha vida...simplismente ridiculo, fora do tempo... Ele tocou cdj ... o maluco que cantava achava que tava no baile da furação de mc calça capri.... to cansada de ser enganada ... eu até curtia o dj set dele.. mais depois dessa... fala serio.. eu sei o que e´um live ...
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Resposta

Favoritos

Tags
entrevista , exclusiva , healey , plurall , pro , tim


Usuários Ativos Atualmente Vendo Esse Tópico: 1 (0 membros e 1 visitantes)
 
Ferramentas do Tópico Pesquisar no Tópico
Pesquisar no Tópico:

Pesquisa Avançada
Modos de Exibição

Regras para Posts
Você não pode postar novos tópicos
Você não pode postar respostas
Você não pode postar anexos
Você não pode editar seus posts

Código [IMG] Sim
Código HTML Não
Trackbacks are Sim
Pingbacks are Sim
Refbacks are Sim




plurall.com - plurall@plurall.org - 2004-2009



Content Relevant URLs by vBSEO 3.5.2