plurall


Voltar   plurall > Comunidade > Papo Cabeça

Papo Cabeça Assuntos interessantes e não necessariamente relacionados ao trance.

Resposta
 
LinkBack Ferramentas do Tópico Pesquisar no Tópico Modos de Exibição Translate
  #11 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 10:39
tdietzold
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

Primeiramente, necessário se faz esclarecer que a responsabilidade criminal que poderá ser imputada ao dono da boate, não é com relação a morte dos jovens, mas sim, apenas e tão somente pelo fato da "casa" ter permitido a entrada e vendido bebida alcoólica para os mesmo.

Assim, por oportuno, vale citar o artigo 81, incisos I e II do Estatuto da Criança e do Adolescente, que dispõe que é proibida a venda de bebidas alcoólicas e qualquer substância que possa causas dependência física ou psíquica, e o artigo 243 do citado Estatuto, que tipifica como criminosa a conduta de quem vende, prevendo uma pena de 6 meses a 2 anos de detenção, além de multa.

Desta forma, resta claro e evidente que o dono da boate deve sim ser responsabilizado. Não sei se os jovens apresentaram identidades falsificadas, mas em caso positivo, ainda sim foi falha da "casa", uma vez que hoje já temos aparelhos que identificam uma possível falsidade.

Citação:
Postado Originalmente por Root
A meu ver, a culpa principal foi dos próprios jovens... sem ter habilitação, sem ter idade mínima, resolveram encher a cara e dirigir... consequência: morreram... GG pra eles! bem feito ;-) Se tivessem cabeça teriam valorizado mais a vida!
Po cara, estamos falando de jovens de 17/18 anos, molecada...Bem feito?

Concordo que os jovens estão demais da conta, mas a educação vem de casa, a orientação tem que partir dos pais.


Citação:
Postado Originalmente por Fabio
Então, hoje o TD teria lido na manchete:
Citação:
Postado Originalmente por Fabio
" produores de rave são intimados a comparecer e prestar depoimento".
" encontrados vestigios de ecstasy no sangue dos menores"

Fabio, essa situação é completamente diferente, quem vende ecstasy nas festas não são os organizadores, mas nas boates, quem vende a bebida são os donos das mesmas.


Citação:
Postado Originalmente por Tito
Infelizmente nao vira noticia quando uma pessoa de baixa renda sofre acidente nem com coisas do tipo. INFELIZMENTE o que dá noticia é morte de "branco" e de jovens que tem pais com $$$... Isso é o que choca neh?



Eu tb refleti sobre isso, certamente algum dos pais tem conhecimento, contatos, porque a repercussão foi grande mesmo.

Mas pense pelo lado positivo, esse desastre tá servindo como alerta a sociedade, principalmente para os pais. Autoridades, inclusive, se encontraram para debater no sentido de que providências podem ser tomadas para essa situação melhorar.

Mas voltando ao assunto da responsabilidade do dono da boate, vale ressaltar que um bom advogado safa o cara mole mole, nossa legislação criminal parece que foi feita para absolver criminosos, pela quantidade de "brechas" que a mesma possui, onde um simples "peido" pode causar nulidade ao processo.

Concluindo, eu acho sim que os jovens estão mais acelerados do que nunca, basta vc ver a quantidade de moleques que existe hoje nas raves, só acho que o que está errado é a origem, a sociedade anda muito carente de família.




Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #12 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 10:55
Avatar de Kiirtan
aka diribuf
 
Registrado em: May 2005
Localização: Rio de Janeiro
Posts: 2,401
Valeu: 26
Recebeu 96 valeus em 32 Posts
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para Kiirtan
Padrão

Concordo com Bidu e Fabio também, acho a posição do root um pouco chiita. Acho que responsabilizar criminalmente o dono da boite é arrumar um eterno pode espiatório para um problema que tem dois culpados: falta de educação e impunidade.

Convenhamos, é impossível controlar esse tipo de coisa. Exigir isso de um dono de boite é o cúmulo da hipocrisia. Como pode ter lei exigindo que dono de boite GARANTA a integridade física de todas as pessoas dentro do recinto e PROIBA jovens menores bebendo se o Estado que deveria ser obrigado a garantir nossa segurança e educação não chega nem perto disso?

Como fazer? Juizado de menores em TODAS as boites? Controle de documentos rígido SEMPRE? Ia ser ótimo com as filas quilométricas que iam se amontoar na porta. E funciona 100%? Vão detectar falsificadas?

Ai o que fazem? Inventam culpados. Você culpa o fabricante de armas pelas mortes que as armas causam? Quem você culpa quando um avião cai? A Boeing? A companhia aérea? A associação mundial de empresas aéreas? O mecânico que estava de plantão no dia do acidente? É tudo uma questão de achar culpados, por que ninguém quer se responsabilizar.

E outra coisa, aprendam que existe uma coisa chamada FATALIDADE. Pode-se colocar regras, controles, leis, culpar, prender, fazer o diabo e MESMO ASSIM pessoas vão morrer esborrachadas em um poste na frente de uma boite. E ai? Quando ja tiver fechado todas as torneiras da culpabilidade, punido todo mundo que é possivel punir. O que vamos fazer? Que tal pensar em culpar o proprio idiota que tava dirigindo o carro? Nãaaaaaao, isso é um absurdo, era um jovem inexperiente, produto da sociedade!

Educação e Impunidade.

Educação de qualidade pra ensinar essas pessoas alguns valores de verdade, pra serem menos futeis. Alguns valores cívicos. Se fizer merda, vai ser punido. Contra a lei? Vai preso. É menor de idade? Seu pai vai preso. Ja vimos que confiar nos pais pra dar educação nem sempre dá certo, por que os pais podem ter sido jovens idiotas e cresceram pra ser adultos idiotas. Temos que ter um sistema educativo eficiente.

Não adianta educar sobre causa-efeito, lei e pena, crime e castigo, se o castigo não é aplicado. Pegou um malandrinho com carteira falsi em boate? Que bonitinho. Vai voltar pra casa no banco de trás da viatura babaca, acabou a noite pra você! Menor de idade bebendo? Vai prestar serviços comunitarios. Vai lavar prato no orfanato.

E quem tem que dar educação e garantir a punição dos culpados? O Estado? Só? Não! Todo mundo! Pais, irmãos, amigos, professores. Cortar as asinhas antes que começem a se empoglar demais nos vôos. Com certeza esse maluco que enfiou o carro no poste ja devia ter um historico de bebedeiras. No orkut dele, as comunidades "Absolut Vodka", "Red Label", "Black Label". Os pais não viram, cegos. Os professores não devem ter se ligado, os amigos iam na onda. E ai? Vai deixando rolar?

É, deixa rolar. Ai quando ele enfiar a cara no poste, basta botar a culpa no fabricante do poste, ou no fabricante do carro, na boite, ou até na marca da bebida que ele bebeu, por que geralmente ele não ficava "tão bêbado assim", devia ter algo errado! PFFFFFFF

===

Só um detalhe: o maluco tinha 18 anos, idade legal pra encher a cara o quanto quizesse. Quem tava ilegal na historia eram as meninas (fora a namorada, que nao estava alocoolizada segundo o laudo do IML). Então querem culpar o dono da boite só pra espalhar fumaça e mostrar trabalho nesse acidente que virou noticia em tudo quanto é lugar. E a partir de semana que vem, milhares de jovens no Brasil vão encher suas fuças de birita nas boates e ninguém vai dar a menor importancia. Essas coisas é que me irritam!
__________________
--
"Celebrate we will, cause life is short but sweet for certain" - Dave Matthews
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #13 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 11:16
krooll
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

Bom, um assunto realmente complicado..

Eu não acho que os donos das boites sejam tão responsáveis assim pelos menores que entram.
Nas boites que já fui até hoje em TODAS foi solicitado a apresentação da carteira de identidade, sempre que questionado era pedido as demais informações (Nome do pai, mãe e etc).
Agora o que fazer se as pessoas pegam até mesmo documentos originais antigos de outras e simplesmente colocam uma outra foto "furadinha" por cima? Na maioria da boites da Zona Sul tem o laser de verificação da identidade hoje em dia, não é só o papel que eles olham e sim também a sua marca d'agua, codigo de barras, enfim.
Quanto a ter cara de criança como a Micky disse, é um tanto quanto complicado.. você pode ter cara de menor mas ter realmente maior idade, e outra, você não pode duvidar de um documento que seja verdadeiro, você pede as informações, a pessoa dá, você não tem como impedir a entrada dela no estabelecimento.

Os pais? Infelizmente muitos deles não sabem o que se passam com os filhos, tem pais que não tem diálogo com os filhos, é um assunto delicado.
Proibir o filho de sair? Todos sabem que isso não adianta, muito pelo contrário pode reagir de forma negativa levando-o a mentir para ir a alguma festa, ou quando sair querer "arrebentar a boca do balão" de uma vez só! São reações normais, de adolescentes..
Mas também tem os pais que apóiam, não ligam para que o filho saia, sabem que são lugares para maiores de idade mas fazem vista grossa para esse assunto. Mas, sinceramente? Quem aqui nunca foi em uma boite sendo menor de idade?
Eu pelo menos já fui...

Aí que eu acho que entra mais a questão dos próprios jovens.. a vida pode até ser sim sempre uma festa, mas não necessariamente com tantas bebidas e descuidos.. não acredito que vá existir uma festa que nao possuem menores de idade, não mesmo, e não é por ser menor ou maior, o que as pessoas de um modo geral necessitam hoje é de mais responsabilidade e consciencia das coisas que fazem, todo mundo sabe o que faz bem e o que faz mal e cabe a cada um escolher o que pretende pra si, mas aí é que entra aquela frase que a maioria pensa "comigo não vai acontecer", parece que são intocáveis!
Enquanto esse pensamento não mudar, será isso aí mesmo que vamos ver, sempre!


Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #14 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 11:18
tdietzold
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

Citação:
Postado Originalmente por diribuf
Convenhamos, é impossível controlar esse tipo de coisa. Exigir isso de um dono de boite é o cúmulo da hipocrisia. Como pode ter lei exigindo que dono de boite GARANTA a integridade física de todas as pessoas dentro do recinto e PROIBA jovens menores bebendo se o Estado que deveria ser obrigado a garantir nossa segurança e educação não chega nem perto disso?
Galera, vcs tão viajando, o dono da boate não tem que garantir intregidade física de ninguém, ele só não pode vender bebida alcoólica pra menores, e ponto final.

E se vender, deve sim ser responsabilizado, mas veja bem, responsabilizado pela venda da bebiba, meu post acima deixou bem claro isso.

É óbvio que ser responsabilisado pela morte não tem cabimento, por mais que tenha sido a bebida que a tenha provocado.

Ninguém quer culpar o dono da boate pela morte dos jovens, só querem que ele seja responsabilizado pela venda de bebidas.

Vou almoçar, depois a gente troca mais idéia.
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #15 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 11:28
krooll
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

Tudo bem Tdietzold, mas se a entrada no local ja é proíbida para menores de idade e eles falsificam os documentos para poder entrar, não tem como ter o controle de quem consome bebidas alcoolicas, todos ali "são" maiores, logo podem beber.
Teve uma vez que algum atorzinho menor de idade entrou em uma boite só que o mesmo ficou usando uma pulseirinha onde quem a usava não poderia comprar bebidas alcoolicas, e se fosse pego consumindo seria convidado a se retirar do recinto, mas aí a questão é outra, porque ele entrou na boite sendo menor e assumindo isso..

Vai fazer o que? Não vender mais bebidas? Ter um controle X para vender por noite?
Não dá né..
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #16 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 11:36
Avatar de Alan
Membro Avançado
 
Registrado em: Mar 2005
Posts: 724
Valeu: 6
Recebeu 4 valeus em 1 Post
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para Alan
Padrão

Além disso tudo, os bartenders e garçons, em tese, são orientados a nao servir bebida alcoolica para quem demonstra já ter consumido o bastante.
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #17 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 13:03
Pedrosac
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

mtos pontos d vista diferentes....vai la o meu
1º- qndo tinha 17 anos entrei numa boite com a carteira d indentidade d um amigo meu. como ja foi dito aki, o segurança nao tem como provar q a carteira nao é minha. impedir menor d entrar eh quase impossivel.
2º- o menor quase sempre vai acompanhado d maiores pras festas. mesmo q o controle d vendas d bebidas para menores seja perfeito, o q impede do maior dar a bebida pro menor? a comanda da boite nao faz a menor diferença, ja q é so comandar todas as bebidas pro maior. qndo vcs tinham 18 anos e saiam pra beber com seus amigos q ainda nao eram maiores, por mais q vc nao precisasse comprar as bebidas pra eles, esta sendo conivente com a situaçao.
3º- quem esta de carona tem quase tanta responsabilidade qnto quem esta dirigindo. se o motorista tava bebado ou nao (o nivel d alcool no sangue dele era o dobro do permitido por lei, o q da +- 5 latinhas, se nao me engano) a gente nao sabe, mas quem tava no carro sabia e mesmo assim aceitou a carona.
4º- e se eles nao tivessem bebido na boite e sim no camelo do lado d fora, vamos procurar todas as "tias" da cerveja e culpa-las tb?

conhecia um dos jovens q morreu e fiquei mto abalado com o ocorrido, ate pq ele nao era um idiota "filhinho d papai". Porem, jovens com mais d 16 nao sao mais crianças e sabiam mto bem q tavam errados, por isso acho q foram os maiores culpados. Mas é aquela velha historia, a gente nunca acha q vai acontecer com a gente, ou vc nunca transou sem camisinha??

prefiro encarar como uma fatalidade, mas acho q uma politica d transito mais competente poderia diminuir mto as estatisticas
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #18 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 14:00
Avatar de Debbie
*Debs*
 
Registrado em: Mar 2005
Posts: 525
Valeu: 0
Recebeu 0 valeus em 0 Posts
Padrão

Concordo integralmente com o post do diribuf .

Daqui a 1 mes essa historia ja estara praticamente esquecida...

Eu lembro, pois era menor ainda, que teve uma epoca em que a fiscalizacao em boates estava acirrada... nas festas que relavam no terra encantada se nao me engano, tinha ate gente do juizado de menores na porta para evitar falsificacao...
Com o tempo tudo e esquecido...

O problema é que os jovens estao cada vez mais inconsequentes e adoram ficar tirando onda de malandro... Que bebe muito, que dirige bem.. que ja é adulto.. e da nisso!

Quanto aos pais.. .concordo com o que disseram... os pais foram coniventes com a situacao.... permitiram as meninas irem mesmo sabendo que se tratava de boates para maiores... O que se passa na cabeça dessas meninas nesta hora... se os pais mesmo nao fizeram questao alguma de respeitar a lei... que exemplo que elas tem? Logo nao respeitariam nunca!!!

Coitado do dono da boate... Digo isso pq uma pessoa que consumiu tudo que o garoto consumiu.. é pq tava com grana... e mesmo se o cara do bar nao quisesse vender.. convenhamos que hoje em dia tudo se resolve com uma "gorjetinha"... ate os policiais aceitam.. vc acha que um funcionario que vira a noite trabalhando nao iria aceitar uma para liberar o pagamento?? Tem mais.. se o menino era maior.. ele pode ter comprado para as meninas.. e ai? Como fica? Nao vendeu bebia para menor!!!!

Falsificacao de RG é outro ponto.. isso é crime... Cade o RG? sera que essas meninas nao apresentaram RG falso?

Muito complicado.. estao qrendo prender o dono da boate para abafar o caso!
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #19 (permalink)  
Antigo 13-09-2006, 15:17
GirrrL
Visitante
 
Posts: n/a
Padrão

É justo culpar o dono ou mesmo os seguranças de um estabelecimento que a IFP do frequentador seja verdadeira? É óbvio que não concordo.
Exigir a identidade é até admissível, mas comprovar a legalidade da mesma é incoerente, afinal quem está falsificando a mesma sabe que está cometendo um erro e um crime, mas que mesmo assim "vale a pena".
Mencionando tmb que dono de boate tem que se preocupar com a segurança do local, pitboys valentões, "espertinhos" caloteiros e por aí vai.
Se é para achar um culpado, culpo a juventude
Que fase da vida "eu" sou egoísta e egocêntrica? Que desafios são armas excitantes? Que nada pode me deter? Que a filosofia carpe diem é tão aclamada?
Não fiquei chococada com a morte dos 5 jovens, pq eu tmb erro, tmb cometo erros semelhantes seja na falsificação da IFP para ir naquelaaaa festinha, na arrogância do tirando uma onda que faço 120 km/h em alguma via expressa, nas zoações dizendo que meu fígado é totalflex, nos aditivos para curtir aqueleeee psy, naquela transa casual sem camisinha, enfim... eles erraram, eu erro, nós erramos e assim vai ser sempre.
Culpar dono de boate, o segurança, o barman, os pais? Temos que culpar a nossa indolência de acharmos que nada pode nos atingir, nossa irresponsabilidade e não ficarmos a caça de um algoz, afinal a fase dos 15 anos em diante a sensação de "eu já sei tudo" é certa e a capacidade de discernir o certo do errado tmb já está amadurecida então é preciso arcar com as responsabilidades seja ela qual for.
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
  #20 (permalink)  
Antigo 14-09-2006, 17:45
Avatar de rootguy
Membro Avançado
 
Registrado em: May 2005
Posts: 191
Valeu: 1
Recebeu 1 valeu em 1 post
Enviar mensagem via Windows Live Messenger para rootguy Enviar mensagem via Skype para rootguy
Padrão

Quando fiz meu primeiro post, parti da premissa que todos eram menores e todos estavam embriagados...

Caso a situação não seja essa, todos tinham mais de 18 anos, ou ainda, só os maiores de essa idade estavam embriagados, mudam algumas considerações, mas não todas.

Tudo nessa vida é risco e a avaliação dele. Você acorda de manhã e avalia o risco de sair de casa e ir trabalhar. Caso esteja ocorrendo um tiroteio do lado de fora da sua casa, você, provavelmente, não vai sair, porque avaliou o risco e percebeu que as chances de ocorrerem um acidente e uma bala te atingir são muito grandes. Portanto não vale a pena arriscar sua vida.

O garoto que bebeu antes de dirigir, podia muito bem tomar um taxi. Mas não, ele decidiu dirigir. Seja qual foi o motivo para ele avaliar o risco erroneamente: falta de informação, queria impressionar as meninas etc; ELE assumiu o risco quando pegou o carro para dirigir. Bateu. BEM FEITO MESMO. O risco era dele - só lamento.

As meninas e demais passageiros, bebados ou não. Avaliaram o risco de pegar a carona com o motorista. Poderiam ter ficado lá, pegado um taxi, ligado para os pais buscar (memso tomando uma bronca, antes tomar uma bronca do que parar no caixão, não é?). Mas não, avaliaram o risco e decidiram pegar a carona. ELES assumiram o risco de sofrerem o acidente com o motorista embriagado. Bem feito também.

Talvez sirva de exemplo para os muitos por aí que ainda não entenderam que a diferença entre a vida e a morte são milésimos de segundo.

Valeu!

-- só agradeço muito que nesse suicídio, todos NÓS tivemos a sorte de não sermos atropelados ou vítimas ocasionais!
__________________
root
google talk/e-mail: rodolpho.eckhardt@gmail.com
Digg this Post!Add Post to del.icio.usBookmark Post in TechnoratiTweet this Post!
Responder com Citação
Resposta

Favoritos

Tags
boite , donos , dos , entrada , menores , responsabilização


Usuários Ativos Atualmente Vendo Esse Tópico: 1 (0 membros e 1 visitantes)
 
Ferramentas do Tópico Pesquisar no Tópico
Pesquisar no Tópico:

Pesquisa Avançada
Modos de Exibição

Regras para Posts
Você não pode postar novos tópicos
Você não pode postar respostas
Você não pode postar anexos
Você não pode editar seus posts

Código [IMG] Sim
Código HTML Não
Trackbacks are Sim
Pingbacks are Sim
Refbacks are Sim




plurall.com - plurall@plurall.org - 2004-2009



Content Relevant URLs by vBSEO 3.5.2